Company
Brief History
Company Policies
Management
Facilities
Drydocks and Berths
Shipyard Map
Location
Services
Cleaning and Painting
Steelwork Repairs
Piping Repairs
Machinery Repairs
Electrical Repairs
Reconditioning
Tank Cleaning
Propeller Repairs
Turbo Charger Repairs
News
World Wide Agents
Contacts

News

Lisnave Activity from January to September 2017

Management Report and Accounts 2017
Download direct

  Recrutamento

 

 

See our News Archive:

Activity in 2015

ISO 14 001 Environmental Certification

Other Press Releases

 

Archived News

Resultados positivos em ano de actividade particularmente adversa

A Lisnave enfrentou, no ano de 2017, condições de mercado particularmente adversas resultantes do efeito conjugado do baixo crescimento da economia global, da situação depressiva dos fretes de transporte marítimo e do aumento da concorrência a nível mundial. Ainda assim a Lisnave continua a ser líder europeu na reparação e manutenção de navios de grandes dimensões.
A actividade comercial desenvolvida e o continuado nível elevado do denominado “Repeat Business” não foram suficientes para compensar o efeito da degradação do mercado da reparação e manutenção de navios na Europa Ocidental. A Lisnave procedeu à reparação/manutenção de 78 navios durante o ano de 2017. Dada a globalização do mercado da Lisnave, os navios reparados durante o ano de 2017, foram originários de 45 clientes oriundos de 21 países, sendo os mercados mais significativos, em número de navios reparados, Singapura (12 navios), a Grécia (10 navios) e a Alemanha com 7 navios.

Como directo resultado da situação de baixa rentabilidade da actividade de transporte marítimo, o volume médio de trabalho por navio, nas reparações de rotina, continuou a níveis baixos. A facturação média por navio, não obstante a dimensão de alguns trabalhos efectuados ter sido acima do esperado, revelou-se abaixo dos valores dos anos anteriores.
Neste contexto a Lisnave terminou o ano de 2017 com um volume de vendas de reparação e manutenção naval de 87,5 milhões de Euros num total de rendimentos de exploração de 89,7 milhões. Mantendo as suas tradicionais características de Empresa exportadora, no ano de 2017 a Lisnave vendeu para o mercado externo 84,2 milhões de Euros.

Resultado das condições adversas verificadas e da quebra na actividade o resultado líquido do exercício de 2017 foi de 1,95 milhões de Euros.
Seguindo a política dos anos anteriores, tendo-se atingido um resultado positivo no final do ano, a Lisnave decidiu atribuir uma gratificação de balanço aos Trabalhadores no montante de 480 mil Euros.

A espectativa de recuperação da procura no mercado de transporte marítimo e consequente subida dos fretes de transporte que anteriormente se posicionava em 2018 não deverá verificar-se, sendo esperado um nível de procura de manutenção e reparação de navios para o ano de 2018 idêntico ao do ano transacto. A entrada em vigor de regulamentação internacional para 2020 apresenta-se como provável potenciador da recuperação da actividade para os anos de 2019 e 2020.
Certa que os desafios do presente e do futuro serão ultrapassados com sucesso a Lisnave mantém-se firme no rumo traçado em 2000 com o plano de investimentos cujo valor ascende a aproximadamente 35 milhões de Euros, prosseguindo também com o programa de rejuvenescimento e formação de novos Trabalhadores iniciado em 2006 que permitiu garantir o concurso de mais de 250 colaboradores.